Teatro, por que fazer?


E por que não fazer!? Teatro é arte, prazer, cultura, comédia, energia e muito mais além!


O teatro surgiu no século V antes de Cristo na Grécia Antiga e, inicialmente, seu objetivo era homenagear o deus do vinho, Dionísio (ou Baco em Roma). A cada safra de uva bem sucedida faziam uma festa em agradecimento ao deus através de procissões conhecidas como “Ditirambos”, o nome faz referência a Dionísio. O Ditirambo foi evoluindo e ficando mais elaborado, surgindo então a necessidade de alguém que organizasse a festa, os “diretores de coro”.

Atualmente o teatro vai além dos palcos se estendendo como um estilo de vida. Engana-se muito quem pensa que essa arte é apenas para os desinibidos. Não há contraindicações para o mesmo! O teatro abre a mente das pessoas, faz bem ao intelecto e ao psicológico; proporciona alegria e prazer; liberta o indivíduo da timidez; ensina que o corpo é grande instrumento corporal e vocal. 

Essas lições são ensinadas nas aulas de interpretação, improvisação e jogos teatrais. Também ajuda o indivíduo a se redescobrir, a ouvir o próximo, a trabalhar em equipe, a ter autoconfiança, exercitar a cognição motora, aumenta a autoestima e, sobretudo, dá prazer.

Cada um tem seu limite e por isso no teatro não há regras de como fazer certo ou errado. Ele disciplina mostrando que sempre devemos respeitar os limites e as diferenças de cada um e, por que não, aproveitá-las de maneira benéfica. E também não há idade para se fazer aulas de teatro, o que vale é a vontade de querer se redescobrir, vivenciar novas oportunidades e criar coletivamente, porque a base fundamental do teatro é um grupo que preserva a amizade e o respeito ao próximo.

O teatro vai desde a criança até a terceira idade. Mostra a criança como usar seu instrumento corporal, ao jovem como sair de seu casulo, ao adulto como ser feliz sem a doença do século - que é o stress -, e ao idoso a por em prática suas descobertas e experiências vivenciadas não só pelo corpo, mas também pela mente.

Todos deveriam experimentar o teatro uma vez na vida. É uma experiência única e excepcional!


A vida é uma peça de teatro que não permite ensaios. Por isso, cante, chore, dance, ria e viva intensamente, antes que a cortina se feche e a peça termine sem aplausos.
- Charles Chaplin

Nenhum comentário

Postar um comentário