Blog em reforma. Novidades em breve!

45% completo

// //

Female Rock II

Comente!
The Agonist

A série de bandas com vocal feminino continua!



O universo do rock lentamente vem abrindo suas portas para que as mulheres possam entrar. No começo, década de 60/70, elas eram minoria devido a onda ser “pop star”, mas com o tempo esse fato inverteu e assim caiu por terra aquele velho tabu de que “mulher não serve pro rock”. Depois da grande repercussão das Runaways e Janis Joplin, principalmente, temos atualmente um número bem diversificado de mulheres talentosas que dominam também o Rock/Power Metal/Death Metal/Gothic Metal/Melodic Metal/entre outros. A seguir conheça algumas dessas bandas!

The Agonist toca metalcore e melodic death metal, uma mistura perfeita que se encaixa na voz de Alissa White-Gluz, a vocalista que simplesmente faz com que seus ouvidos se rasguem com tanta potência que ela usa em seu gutural. A banda é de origem canadense e inicialmente tinha o nome de The Tempest, foi formada em 2004 pelo guitarrista Danny Marino, o baixista Chris Kells e a própria Alissa White-Gluz. Justamente por questões jurídicas foi solicitada a mudança do nome ao assinarem contrato com a gravadora Century Media Records, e, particularmente, “The Agonist” é bem mais apropriado e bonito.
Alissa (vocalista do The Agonist)

A banda já possui os seguintes álbuns: “Only Once Imagined” (2007), “Lullabies For The Dormant Mind” (2009), “The Escape (EP)” (2011) e o recente “Prisoners” (2012). Também já passou por mudanças de componentes, mas nada que agravasse sua situação, muito pelo contrário, só trouxe grandes repercussões positivas. Os atuais membros são: Alissa White-Gluz (vocal), Danny Marino (guitarra), Chris Kells (baixo), Simon McKay (bateria) e Pascal Jobin (guitarra).

O mais legal da banda são os temas das músicas que giram em torno dos direitos dos animais, problemas da sociedade e o estado em que o mundo se encontra. Como pôde perceber as músicas sempre vão tratar de preocupações e valores morais, o que dá um toque a mais de exclusividade na banda.

O sucesso da banda é devido o lançamento de “Lullabies For the Dormant Mind”, cd que originou o single “Thank you, pain” que logo virou sucesso internacional. E claro, a banda se destaca não só pela beleza de Alissa que foi classificada como uma das garotas mais quentes do metal pela “The Hottest Chicks In Metal”, mas também a outros dois fatores: 1°) a vocalista faz um gutural extremamente forte e potente além de cantar com voz “limpa; 2°) o guitarrista Danny Marino usa duas ou mais melodias e acordes de interseção heterodoxo muitas vezes com intervalos de largura e deslocamento de oitava, gerando um som único e muuuito bom.


***


A banda francesa de metalcore dos bons, Eths, surgiu em 1996 e já teve vários nomes até ser a Eths e te, um ritmo bem definido graças à bateria e a guitarra, sem contar a dotada voz de Candice que domina o gutural e voz “limpa” perfeitamente bem. As letras são pesadas, carregadas de dor e energia porque são baseadas na infância dramática de Candice. Outras são baseadas na sociedade e a criticam asperamente.

Discografia: “Eths” (1999), “Autopsie” (2000), “Samantha” (2002), “Sôma” (2004) “Tératologie” (2007) e “III” (2012).




Candice
Já teve trocas de membros e hoje possui a seguinte formação: Candice (vocal), Staif (guitarra, sampler e vocal), Greg (guitarra), Damien (baixo) e Guillaume (bateria).

E que já sirva de aviso: “Não se deixe enganar por aqueles olhos castanhos e melancólicos com o canto etéreo e sussurante que Candice oferece com sua doce voz clara. Não se deixe enganar por essa aparente inocência em acreditar que a francesinha de cabelos escuros é só mais uma voz angelical. Você levará um choque quando aquela boca vermelha se abrir e rasgar seus ouvidos profundamente com rosnados e grunhidos de sua garganta de aço.”

Parece difícil de acreditar, e há confusão até mesmo na imprensa especializada, quando os escritores perguntam sobre o "cantor masculino". A resposta é sempre: Candice!   Alguns ainda acham que não é fácil aceitar, quando se ouve "Tératologie", seu segundo álbum completo e o primeiro a ser lançado fora da sua França natal.


Site da banda: eths.net

***


Warlock foi uma das maiores bandas de Heavy Metal que já existiu. Originária da Alemanha, a banda teve seu início em 1982 e passou por diversos conflitos, altos e baixos, muita crítica e elogio da mídia. Teve também diversas mudanças de formação, tanto que ao final da década de 80, a vocalista Doro Pesch era a única integrante da formação original e foi por isso que ela decidiu seguir carreira solo mudando o nome da banda para Doro. A banda Doro é essencialmente uma continuação de Warlock, tanto que tocam vários de seus sucessos.
Doro Pesh

A alemã Dorothee Pesh é compositora, cantora e produtora musical, atualmente. A sua banda que carrega seu nome, Doro, conta com a participação de Nick Douglas (baixo), Bas Maas (guitarra), Johnny Dee (bateria) e Luca Princiotta (guitarra/teclado).  Com 48 anos de idade, Doro apresenta boa forma e muita disposição em palco. Nem é preciso dizer muito a respeito de quem tem o apelido de Metal Queen (Rainha do Metal)...

Discografia de Warlock: Burning the Witches (1984), You Hurt My Soul (On a nd On) – EP (1985), Hellbound (1985), Fight For Rock (1986), True As Steel (1986), Triumph And Agony (1987).

Discografia da banda Doro: Force Maieure (1989), Doro (1990), True at Heart (1991), Angels Never Die (1993), Machine II Machine (1995), Love Me in Black (1998), Calling the Wild (2000), Fight (2002), Classic Diamonds (2004), Warrior Soul (2006) e Fear No Evil (2009).

Site da banda: www.doro.de

***


After Forever foi originalmente formada em 1995 sob o nome Apocalypse, seu gênero era orientado ao death metal. Com a entrada da vocalista Floor Jansen em 1997, o estilo da banda mudou em disposição a dar ênfase para sua voz. Até aquele momento a banda era composta por Floor Jansen, Mark Jansen, Sander Gommans, Luuk van Gerven, Jack Driessen e Joep Beckers.

Em 1999 a banda começou a compor canções próprias e gravaram duas demos - intituladas Ephemeral e Wings of Illusion - que enventualmente chamaram atenção da gravadora Transmission Records, que assinou contrato com a banda.

Floor Jansen
O After Forever demonstra ser uma das maiores bandas de seu gênero, revolucionando os conceitos de metal, sem se limitar às fronteiras comerciais.

Em janeiro de 2008, After Forever anunciou em seu website que a banda daria um tempo de, pelo menos, um ano. Em uma entrevista com a rádio Ragnarök, Floor disse que a banda se juntaria no início de 2009 para discutir o futuro do After Forever.

No dia 5 de fevereiro de 2009, a banda anunciou seu fim. Segundo comunicado no site oficial, a pausa em 2008 e parte de 2009 fez com que percebessem não terem mais energia para continuar.

Discografia: Prison of Desire (2000), Decipher (2001), Exordium – EP (2003), Invisible Circles (2004), Remagine (2005), Mea Culpa (2006), After Forever (2007).

***


Evanescence é uma banda de Rock americana formada pela consagrada Amy Lee, que compõe suas próprias canções e toca piano. A banda começou em 1995 por idéia de Amy Lee e Ben Moody (guitarra), porém Moody já não se encontra mais na banda. Inicialmente Evanescence se apresentava em casas noturnas, mas com o lançamento do cd “Fallen” foi sucesso na certa tanto que recebeu sete vezes o disco de platina pela RIAA, além de vender mais de 17 milhões de cópias em todo o mundo, o que fez com que vencesse dois Grammys.

Com tantos altos e baixos, mudanças de formação e queda no gosto popular, Evanescence se restabeleceu com o álbum intitulado “Evanescence” que debutou em primeiro lugar na Billboard 200 por cerca de 130 mil cópias na primeira semana de vendas. Foram lançados até então três singles desse cd: “What you want”, “My Heart is broken” e “Lost in paradise”.


Álbuns de studio: “Fallen” (2003), “The Open Door” (2006) e “Evanescence” (2011). Ambos são ótimos! Atuais membros: Amy Lee (vocal e piano), Terry Balsamo (guitarra), Tim McCord (baixo), Will Hunt (bateria) e Troy McLawhorn (guitarra).

Uma curiosidade a parte: o nome “Evanescence” vem do latim e significa “desaparecer”. Foi escolhido por Amy Lee porque, segundo ela, sugere mistério.

Site da banda: www.evanescence.com


***



The Pretty Reckless é uma banda de Rock surgida em 2009 e formada, inicialmente, pela atriz Taylor Momsen, John Secolo, Matt Chiarelli e Nick Carbone. Atualmente, além de Momsen, a banda é composta por Ben Phillips, Mark Damon e Jamie Perkins. O grupo, desde seu lançamento oficial, já abriu vários shows de vários grupos musicais como, por exemplo, The Veronicas, Guns N Roses, Evanescence e uma turnê com Marilyn Manson. Logo após assinar contrato com a gravadora Interscope Records, em maio de 2009, iniciaram a produção de seu primeiro CD, intitulado Light Me Up, que fora lançado em 30 de agosto de 2010.

Dentre os principais singles da banda destacam-se Make Me Wanna Die e Just Tonight, responsáveis pelo sucesso do grupo dentro e fora dos Estados Unidos. A maioria das produções da banda é influenciada por artistas/grupo como The Beatles, Led Zeppelin e Nirvana (banda). A banda foi originalmente chamada The Reckless, mas teve de mudar o nome devido a problemas de direitos autorais.

Sua formação atual é composta por Taylor Momsen (vocal e guitarra), Ben Phillips (guitarra solo e back vocal), Mark Damon (baixo) e Jamie Perkins (bateria).

Apesar de a banda ser muito forçada a ser rock, Taylor possui uma voz muito linda e grave que merece seu devido respeito.
Site da banda: www.theprettyreckless.com


***


A banda holandesa de metal sinfônico, Épica, foi formada em 2002 por iniciativa de Mark Jansen (ex-guitarrista do After Forever). Inicialmente a banda tinha o nome de Ahara Dust, a vocalista era Helena Michaelsen, o guitarrista Ad Sluijter, o baterista Jeron, o baixista Yves Huts e o tecladista Coen Jansen. Após a saída de Helena entrou a mezzo-soprano Simone Simons na banda, na época ela era namorada de Jansen e tinha apenas 17 anos de idade.

No mesmo ano em que a banda lança seu primeiro demo, Cry for the Moon, muda o seu nome para “Epica” inspirada no álbum homônimo da banda Kamelot.

“Epica é um lugar no universo onde podemos encontrar as respostas para as mais importantes perguntas sobre a vida. A maioria de nossas letras é parecida com o significado de épica.”
Afirma Simone Simons (vocalista)

 
E para alegria de Mark e da banda, o primeiro álbum chegou às lojas fazendo grande sucesso. Mas claro, apesar de todo seu esforço, quem leva destaque é Simone Simons, que possui um estilo de “cantora de opera clássica” e cantos sublimes. E como muitas bandas de metal sinfônico, a banda também apresenta um gutural forte feito pelo próprio Mark. Mas o diferencial são os elementos arábicos.

Muitas das letras de Epica são escritas por Simone e, geralmente, falam de amor e ódio. As letras que abordam religião, revolta e cultura, são de Mark.

Atualmente a banda conta com os seguintes membros: Simone Simons (vocal), Mark Jansen (guitarra e vocal gutural), Rob Van der Loo (baixo), Coen Janssen (teclado e piano), Isaac Delahave (guitarra) e Ariën Van Weesenbeek (bateria).

Site da banda: www.epica.nl

***



banda holandesa que possui som híbrido de gothic metal, doom metal, death metal e música clássica, Within Temptation, teve seu início em 1996 por idéia de Robert Westerholt (guitarra) e conta com a participação da belíssima e talentosa Sharon den Adel (vocal), Jeroen Van Veen (baixo), Ruud Adrianus (guitarra), Mike Coolen (bateria) e Martijn Spierenburg (teclado).


Sharon den Angel
Após a gravação da primeira demo intitulada Enter, em menos de dois meses já conseguiram assinar contrato com uma gravadora. Gravaram mais uma demo e por fim, o primeiro álbum, intitulado Enter, foi lançado em de 1997. Ao mesmo tempo o Within Temptation  foi convidado para se apresentar no renomado festival Dynamo Open-Air de 1997, onde fizeram o quinto show de sua carreira e, logo em seguida, a banda recebeu vários convites para novas apresentações. Desde então vêm fazendo grande sucesso e conquistando cada vez mais fãs.

As letras das músicas geralmente falam de amor, preocupação com o meio ambiente e acontecimentos do dia a dia. Tudo isso expressado por muitas metáforas e poesia. Discografia: Enter (1997), Mother Earth (2001), The Silent Force (2004), The Heart of Everything (2007) e The Unforgiving (2011).

A holandesa de 32 anos, Sharon Janny den Angel, estudou moda e chegou a trabalhar nesse setor por três anos, porém seu sucesso é resultante do trabalho como meio-soprano na banda Within Temptation, cujo seu marido Robert Westerholt é o guitarrista. Portadora de uma voz encantadora, Sharon já é mãe de três filhos e possui uma carreira conceituada.


Site da banda: www.within-temptation.com


***


A banda finlandesa de Metal Sinfônico teve seu início em 1996 por idéia de Toumas Holopainen (teclado) e desde então vem fazendo grande sucesso!

É Julho de 1996. Uma fogueira se ilumina em uma ilhota no meio do Lago Pyhäjärvi, em Kitee. Então, à meia noite, algo que mais tarde traria consequências acontece. Tuomas tem a idéia de um projeto solo para tocar música acústica. A idéia rapidamente se cristaliza: o som deve incluir violões, flautas, cordas, piano e vocais femininos. O guitarrista Erno "Emppu" Vuorinen e a vocalista Tarja Turunen logo se juntam ao projeto. O embrião criado por Holopainen toma forma em apenas alguns meses, e a primeira demo do Nightwish é terminada no começo de 1997. As opiniões alheias são reservadamente positivas e as sementes plantadas durante o verão começam a brotar durante o congelante inverso de Karelia.

Biografia retirada do site da banda (adaptada)

Atual formação: Anette Olzon (vocal), Toumas Holopainen (teclado), Erno “Emppu” Vuorinen (guitarra/violão), Jukka Nevalainen (bateria) e Marco Hietala (baixo/violão e vocal masculino).

Discografia: Nightwish demo (1996), Angels Fall First (1997), Oceanborn (1998), Wishmaster (2000), Over the Hills and Far Away - EP (), Century Child (2002), Once (2004), Dark Passion Play (2007) e Imaginaerum (2011).


Site da banda: nightwish.com/pt/


***



Com o codinome da vocalista, Cadaveria é uma banda italiana de Gothic Metal que nasceu em 2001 por idéia do baterista Flegias e da própria Cadaveria, ambos eram da bnda Opera IX. Depois de alguns meses á procura de mais membros, a formação da banda estava completa com a entrada do baixista Killer Bob, do guitarrista Frank Booth e do tecladista Baron Harkonnen. Em 2002 é apresentado ao público o primeiro álbum, intitulado The Shadows' Madame.

Logo no ano seguinte, começaram os preparativos para a gravação do novo álbum. Baron Harkonnen deixa a banda para de dedicar ao projecto DyNAbyte. Em 2004 Far Away From Conformity é lançado. Depois de alguns tours de promoção deste álbum a banda volta ao estúdio para gravar mais um álbum. O resultado é apresentado em Maio de 2007, com o nome de In Your Blood.

Integrantes: Frank Booth (guitarra), Killer Bob (baixo), Flegias (Marcelo Santos) (bateria), Dick Laurent (guitarra) e Cadaveria (vocal). Discografia: The Shadow’s Madame (2002), Far Away From Conformity (2004), In Your Blood (2007) e Horror Metal (2012).

Confira uma entrevista com a Cadaveria (vocalista) no whiplash!


Site da banda: www.cadaveria.com


***


Krypteria é uma banda alemã de metal sinfônico. Fundada em 2001, lançou quatro álbuns de estúdio e um EP. O Krypteria é uma das únicas bandas que já misturou gothic metal, power metal com pop, mas, atualmente, seu foco é realmente o gothic power metal, fato totalmente notado nos álbuns "Bloodangel's Cry" e "My Fatal Kiss". 
Ji-In Cho

A banda foi fundada em 2001 e, desde 2004, é liderada pela alemã-coreana Ji-In Cho, porque, inicialmente, era intenção da banda utilizar diferentes vocalistas. A banda foi criada em 2001, porque Chris Siemons, Frank Stumvoll e SC Kuschnerus queriam fazer um CD fantasia (género). Na altura não tinham um vocalista permanente, pois a ideia era convidar vários cantores.

Em 2003 foi lançado o primeiro trabalho, intitulado Krypteria. Sensivelmente um ano depois, ocorreram um pouco por toda a Índia, inundações. Uma estação de televisão alemã, a RTL, pediu-lhes para gravar o single Liberatio. Pouco depois, Ji-In Cho tornou-se a vocalista da banda. Em 2005 foi apresentado o segundo álbum da banda, In Medias Res, que obteve alguma visibilidade. O single Victoriam Speramus alcançou o número um dos tops. No ano seguinte, é gravado o EP Evolution Principle, e é posteriormente apresentado aos já muitos fãs. Em 2007 é apresentado o CD com mais sucesso da banda: Bloodangel's CryRecentemente foi lançado o álbum All Beauty Must Die.

Biografia disponível em Wikipédia
< pt.wikipedia.org/wiki/Krypteria> acesso em 11/08/12



Site: www.krypteria.de

***


banda sueca de death metal melódico com influências de thrash metal foi formada em 1995. Tem uma distinção das outras bandas do gênero, por ter uma mulher como vocalista, o que é muito raro nas bandas de death metal, já que o vocal é gutural.

É uma banda sueca de death metal melódico com influências de thrash metal, formada em 1995. Tem uma distinção das outras bandas do gênero, por ter uma mulher como vocalista, o que é muito raro nas bandas de death metal, já que o vocal é gutural.


O Arch Enemy é uma das principais bandas deste sub-gênero do heavy metal que convencionou-se chamar de ‘death metal melódico’, em virtude principalmente de elementos melódicos provenientes do heavy metal tradicional, do power metal, do heavy rock e até mesmo do hard rock dos anos 70 e 80. Neste sentido, uma das características principais do Arch Enemy são os riffs de guitarra compostos por Michael Amott, que são ao mesmo tempo pesados e melódicos.

***

>> Conheça mais bandas com vocal feminino!

: