Blog em reforma. Novidades em breve!

45% completo

// //

Bloody Sabbath #4

Comente!

Yuup! 4ª edição do Bloody Sabbath! Esta categoria do blog traz para você uma compilação de links, reunindo de tudo um pouco: desde moda à política. E vai ter assuntos quentes e polêmicos aqui sim! Vamos conferir?

Música porque todo mundo ama

Valesca Popozuda lança nova música

O novo hit, indicado como sucessor de 'Beijinho no ombro', tem discurso antimachismo (apesar do uso da expressão "tuas nega"), porém mantém o rítmo do Gaiola das Popozudas.

Para ouvir e apaixonar-se: Deap Vally

O dueto de rock californiano influenciado por bandas como White Stripes e Black Keyes, tem um som caracterzado pela pegada punk-blues-rock e até mesmo folk em algumas faixas!


O som aconchegante de Passanger

As músicas do Passenger têm uma vibe folk e são bem tranqüilas até. Se você curte uma música bem no estilo hipster, pode apostar que vai gostar, isto é, se você já não conhece o cara...

Ciências
e tecnologias

Conheça o projeto que está desenvolvendo próteses impressas em 3D para crianças inspiradas em super-heróis

Limitações existem para todos, mas quando se é criança ser diferente dos outros nem sempre faz sentido na mente dos pequenos. E o que fazer para tornar essas diferenças menos cruéis?

Política
notícias e debates

Quem tem chance de chegar à Presidência, tem pavor de falar de aborto

"Se elas querem abortar, que corram o risco por conta própria. Sintam dores. Fiquem estéreis. Sangrem até morrer. Ou calem-se e entendam de uma vez que o corpo delas não lhes pertence. Pertence a nós, homens, ao capital e a Deus."

Design decoração, webdesign, arte...

Antes da Pantone: o catálogo de cores do século XVII

arte, tipografia, cores

A empresa que vendia cartões de cores para companhias de cosméticos lançou o seu primeiro sistema de cores em 1963 e sua escala serve hoje como referência para muitos profissionais. Conheça os primeiros catálogos da Pantene, que fornece sistemas de cores para a seleção e comunicação.


Grux e Olinda

Typograph - freefont

Seguindo uma tradição no Bloody Sabbath, aqui estão novas free fontes perfeitas para você que sabe explorar a criatividade:

Meu pequeno blog meu grande negócio

Infográfico para publicações do facebook

Se você tem uma fanpage para seu blog é indispensável saber o tamanho adequado das publicações no facebook que, além de organizado, deixa as postagens mais atraentes.



Por que ter um blog em tempos de redes sociais?

A resposta é simples: “Redes sociais e blogs são duas coisas com finalidades e ferramentas diferentes, um não anula o outro, eles se completam.”Mas recomendo bastante a leitura do artigo na íntegra, que é bem sucinto.

Culinária Veg(etari)ana

Omelete sem ovos (vegan)

Receitinha básica e simples sempre é bem vinda! Essa “omelete” é simplesmente sensacional e saborasa! E você pode aprender a prepará-la lá no Cantinho Vegetariano passo-a-passo.

Feminismo liberte-se

Manifesto Piranha

Um manifesto que promove a piranhisse: "Piranhe você também. Prometo que sua vida vai ser melhor sem culpa." Engraçado, ousado e real. Você vai curtir garota, então clica logo!

Conheça o projeto #StopTheBeautyMadness que está por trás das fotos sem make nas redes

Você se sente pressionada para estar linda, maquiada e perfeita todo dia? Então leia esse post e conheça o projeto #STBM.

VAGINA: Por que ela ainda é um grande tabu e outras questões ginecofóbicas

Porque o ícone máximo do desejo masculino assusta os homens e ainda segue tabu? A tentativas de domar, castrar e padronizar a vulva, essa adorável desconhecida.

A última edição da Tpm, que chegou às bancas dia 16, se dedicou a investigar os tabus da vagina. E já adianto que ficou fantástico! Um merecido destaque para o artigo "A Perseguida", que relatou sobre a trajetória da castração ocidental, para a entrevista com a Deborah Secco e para o artigo "Boceta & Amor". Você pode conferí-los no site da Trip ou da própria revista TPM.

Poeme-se sentimento, dorgas e rock'n'roll

Antes de ti

poesia

No silêncio eu podia te sentir aqui. / Quis desvendar o vazio que existe em ti. / Enquanto esperava que você ocupasse / o espaço que se abriu em mim.

I can’t get you out of my mind-iiiiind-iiiind.

Crônica

Esse texto foi feito para os que, assim como eu, se pegam perdendo a cabeça por qualquer coisinha, fechando o rosto por um pontinho destoando no arco-íris e esquecendo que, só de estarmos vivos, já devemos sorrir de orelha a orelha.

Nix.

Poesia

Parti-me em migalhas, e seu lábios se fecharam,
Deixou-me ao vento, meus fragmentos voaram.




Se você gostou dos links, não deixe de compartilhar com seus amigos!

  1. Ei vocês *.* Baaah, cada vez que passo aqui e vejo a Bloody Sabbath, eu vejo uma revista rs, a ideia é linda e as covers são instigantes, o conteúdo então, recortes dinâmicos e convidativos :D Parabéns pela 4ª edição e espero que venham mais e a ideia cresça, pois é instigante.

    Ah! Apaixonado pela menção do UGDU no poeme-se <3
    xoxo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado por todo carinho, Washington! Pode aguardar que vai ter muito mais menções do Gole de Utopia por aqui hehe
      Bjs

      Excluir
  2. Gente eu adorei isso hahahahahahah virei fã

    ResponderExcluir
  3. Acho tão criativo o jeito como vocês mostram as notícias, já fico curiosa só de ler a capa (ok, esse é o objetivo, haah). Das notícias selecionadas, gostei especialmente do catálogo de cores, usaria tranquilamente um desses no meu dia-a-dia! O projeto de próteses impressas para crianças eu já tinha visto e achei amor. Muito legal ver a tecnologia a serviço de quem precisa. ♥
    Um beijo!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Thay, também penso que é de suma importância direcionar a tecnologia a quem realmente precisa. Estou formando no ramo da saúde e a todo momento percebo o quanto isso é cada vez mais necessário.
      Bjs

      Excluir
  4. Incrivelmente criativo e interessante, gostaria muito de encontrar em bancas de jornais, esse tipo de leitura instigante, femininista e com essa quebra de tabus, mas ainda bem que a internet existe. Como sempre, posts supimpas e me deixando ocupadíssima acessando todos os links!
    Mell...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mell, finalmente apareceu garota 'o'
      Também gostaria de um dia poder pegar uma revista feminina em mãos e me sentir representada por todo seu conteúdo... quem sabe um dia, né?
      Muito obrigada!
      Aquele abraço \o/

      Excluir
  5. Melhor tag desse blog! rs
    Cara, a matéria das próteses foi a mais foda. Sério. Eu já tinha ouvido falar quando o projeto ainda estava no papel, e só me lembrei da existência vendo aqui, é bom saber que já está rolando e, cara, a ideia é absurdamente foda. Espero que com o tempo se torne uma coisa cada vez mais acessível.
    Sobre o lance do blog X rede social, eu nem sabia que essa comparação existia. Enfim.
    Deap Vally tem um som bem legal, e quanto ao lance do aborto, sei lá. Eu realmente não entendo porque as pessoas não legalizam logo essa merda.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nicolas, não legalizam o aborto por falta de conhecimento sobre o assunto e por estarem cegos por uma religião falaciosa.
      E existe sim essa comparação de blog com rede social, acredite! As vezes eu me pergunto se nao seria melhor ficar so com as redes sociais, mas nem rola, já que aqui no blog eu posso falar toda asneira que eu quiser hehe
      Seu lindo, mt obrigada!
      Bjs

      Excluir
  6. Já falei o quanto acho brilhante a ideia de você criar uma "revista" online com links legais? Seria bom se alguém se interessasse em postar esse tipo de conteúdo impresso. ^^|| Valesca Popozuda tem fãs na minha timeline do Twitter. Não curto muito o som (por uma questão de estilo). Mas confesso que gosto de como ela se expressa. || Nunca parei para ouvir Passanger de fato. A única coisa que escutei foi uma versão remixada de uma música... || A questão do aborto foi desprezada pela maioria. Acho que só a Luciana Genro teve coragem de falar abertamente sobre. A posição dela me representava. Os outros se esquivavam, falavam que iriam cumprir a lei, que a intenção era prevenir isso, blá blá blá. || OMELETE SEM OVOS? WUUUT || Essa parte de literatura é nova. Curti.

    ResponderExcluir